"Fazer o que gostamos e acreditamos nos motiva e encanta"

11_MANUAL_SouManual_PostMoa_v01.png
 

Marcus Dan trabalhava como designer gráfico no segmento têxtil e Adriana Lie, como gerente comercial no segmento de moda. Juntos há mais de 25 anos, o casal decidiu dar asas a um empreendimento em que pudessem somar criatividade e autonomia. Pilares que dariam força à arte de Marcus e à expertise de Adriana como gestora. Dessa forma, criaram o M.O.A Estúdio, no qual fazem um trabalho autoral impresso em papel e madeira, de forma artesanal e com tiragem limitada.

O nome da marca, uma homenagem ao pai do designer e, coincidentemente, o nome de uma espécie de pássaro gigante que já habitou a Terra, só endossa uma reverência à ancestralidade. Referência para o estúdio, que se inspira na arquitetura brasileira das décadas de 1950 a 1970, e em mestres como Athos Bulcão, Burle Marx e Oscar Niemeyer. Soma-se a esse pilar, a contemporaneidade de novos desenhos feitos a partir do processo de Serigrafia, com materiais de baixo impacto ambiental.

 

Achamos que a arte está além da funcionalidade. Ela está na nossa forma de enxergar o mundo


 
 Foto: Leonardo Sang / Casa Dobra

Foto: Leonardo Sang / Casa Dobra

Antes feito do que perfeito

Imerso no interesse pela arte, fosse de forma direta (no fazer manual) ou de forma indireta (assistindo a um filme, visitando um parque ou, simplesmente, observando o ir e vir das pessoas pelas ruas), o casal lembra que passou por momentos desafiadores. “No princípio, acho que uma primeira barreira é a autocrítica. Ela pode te ajudar, mas pode também te travar”, alerta Marcus. Vencida esta etapa, havia obstáculos estruturais, como a venda, a parte administrativa e fiscal. Outros desafios permanecem, como os encargos e as dificuldades como empreendedor no país.

Mesmo assim, atualmente 100% da renda de Marcus e Adriana vem deste trabalho artesanal. São eles que discutem todas as ideias e traçam estratégias antes da realização de novos projetos. É este espírito de equipe e a satisfação de ver os trabalhos autorais do estúdio na casa das pessoas que permitem novos voos ao M.O.A.

 

Ser manual é tratar o trabalho autoral com honestidade e entender nossa parcela de responsabilidade na sociedade


 
 Foto: Leonardo Sang / Casa Dobra

Foto: Leonardo Sang / Casa Dobra

Foto Marcus Dan e Adriana Lie para #soumanual: Naira Mattia
Entrevista: Giovanna Riato
Texto: Maju Duarte
Produção: Rede Manual e Casa Dobra