Macaco mico

macacomico-1.jpg
 

Diz a lenda que o MACACO MICO realmente existiu: frequentava o jardim da Tante Malvina, que vivia no Rio Grande do Sul e suas histórias eram contatos pela avó Marlies. O projeto de criar uma marca de brinquedos homônima surgiu aos poucos, depois que as crianças que escutaram sobre as aventuras do macaco viraram adultos.

Primeiro, uma das irmãs elaborou o conceito de objetos-livros para resgatar as memórias da família. Depois, outra irmã aliou a ideia à sua formação em Arquitetura e Urbanismo e pós-graduação em Planejamento e Produção de Mídia Impressa. Assim, a memória afetiva se transformou em brinquedos. São lembranças em forma de objetos que podem ser acrescidas, reinterpretadas e reinventadas com novos momentos especiais.

Em um mundo tão cheio de tecnologia, os brinquedos MACACO MICO propõem a simplicidade, estimulam o raciocínio, a coordenação, a linguagem e a expressão das crianças. O faz de conta acontece e incentiva brincadeiras criativas e interativas. É brincando que os pequenos descobrem e compreendem o mundo que os cerca. O papelão, versátil e resistente, pode ser cortado nos mais variados formatos, colado, impresso e, além disso, é leve. Mais tarde, depois de muito uso, pode ser totalmente reciclado.
 

www.macacomico.com | @oi.macacomico

macacomico-3bx.jpg
macacomico2.jpg