Casa Tropi

unknown (2).jpeg

Patricia Sampaio, paulistana concluiu a faculdade de publicidade se jogou no mundo da moda, atuando em diversas áreas do setor, de vendas à marketing, mas foi no desenvolvimento de produto que achou sua grande paixão e após uma temporada de estudos em Los Angeles, voltou determinada a abrir uma loja diferente das que estava acostumada a ver no Brasil. Segundo ela, uma loja que além de produtos proporcionasse uma experiência de compra. Recém-aberta em Pinheiros, a Casa Tropi está em um lugar privilegiado. Além de ficar dentro de uma casinha linda, abriga o Botanikafé, que serve um brunch super disputado — e gostoso. A loja reúne designers independentes de moda com pequena produção.

A Tropi, proveta label da loja, é uma marca feminina slow fashion que através da moda, tem como maior propósito inspirar e tocar mulheres à buscarem uma vida mais leve. Guiada pelo desejo de um tipo mais profundo de conexão, sua missão é promover um caminho natural de coletivismo, criatividade e transformação. Todas as  peças são produzidas artesanalmente, com mão de obra local, matérias primas especiais e foco em modelagens atemporais e sofisticadas. Roupas para se usar sempre e para sempre, na praia, no trabalho, na cidade, numa festa, hoje e daqui à 20 anos.

@casatropi


ModaDani Scartezini